Jaguar XE ganha novo visual, painel e comandos digitais

 

O Jaguar XE passa por atualizações típicas do meio de um ciclo de produção, já que o concorrente de BMW Série 3 e Mercedes-Benz Classe C foi lançado em 2015. O belo desenho ganhou novos para-choques e adota leds em todos os itens de iluminação e sinalização. Por dentro foi adotado painel com duas telas digitais na parte central (a inferior para comandos como os de ventilação), conhecido de modelos da Land Rover como o Velar, e o quadro de instrumentos agora é outra tela, configurável e de 12,3 pol. Uma alavanca de transmissão como a do F-Type substitui o seletor giratório.

 

 

Há ainda carregador de celular por indução, projeção de informações coloridas no para-brisa, retrovisor interno com imagens de câmera, materiais mais nobres no acabamento e bancos dianteiros com ajuste elétrico de série em todas as versões. Por inteligência artificial, o carro aprende as preferências do motorista para ajustes de banco, retrovisores, áudio e climatização. As opções de motores não mudam: turbo de 2,0 litros e 250 cv, o mesmo com 300 cv e turbodiesel de 180 cv, com escolha entre a tração traseira e a integral. É provável que adiante o XE ganhe versões hibridas, dentro do plano de eletrificação do grupo JLR.

Mais novidades do Salão de Genebra 2019

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação