Ford e Volkswagen associam-se em utilitários e elétricos

 

A Ford e a Volkswagen anunciaram hoje (15) uma colaboração no desenvolvimento de furgões e picapes médias, assim como de conjuntos de veículos elétricos e de condução autônoma. A aliança, que vem sendo estudada há pelo menos sete meses, mantém as “empresas separadas e distintas”. A Ford será encarregada dos primeiros projetos, com lançamento a partir de 2022: um furgão comercial grande, com base no atual Transit Custom, e uma picape média para suceder à Ranger (acima), a ser produzida para os mercados sul-americano, africano e europeu.

 

 

Isso significa que a sucessora da Amarok deverá ser um projeto compartilhado com a marca do oval. Por sua vez, a Volkswagen desenvolverá e fabricará uma van de menor porte para ambas as marcas. O desenvolvimento de veículos autônomos também será feito em comum e, na parte de carros elétricos, a Ford poderá ter acesso à plataforma MEB da alemã.

No Brasil e na Argentina, entre 1987 e 1995, Ford e Volkswagen estiveram associadas na Autolatina, fusão que resultou em projetos conjuntos como o Ford Versailles (derivado do VW Santana) e os modelos Logus e Pointer da VW (baseados no Ford Escort). Em 1991 as empresas associaram-se na Autoeuropa para produzir em Portugal as minivans Ford Galaxy, Seat Alhambra e VW Sharan.

Texto da equipe – Foto: divulgação