Com 600 cv, edição do BMW M5 celebra seus 30 anos

BMW M5 30 Years 01

 

A BMW comemora 30 anos de produção do sedã esportivo M5 com a série limitada “30 Jahre M5”, ou 30 anos do M5 em alemão, que nos EUA será chamada de 30th Anniversary Edition. Restrita a 300 unidades em todo o mundo, a edição traz aumento de potência para o motor V8 biturbo de 4,4 litros de 575 cv (com o pacote Competition) para 600 cv, com torque de 71,4 m.kgf. Além de ser o mais potente M5 de fábrica, é o carro mais potente em toda a história da BMW e acelera de 0 a 100 km/h em 3,9 segundos.

 

 

O diferencial autobloqueante ativo M ganhou um módulo específico para reagir mais rápido, a direção foi revista e o modo M Dynamic foi reprogramado para um comportamento ainda mais esportivo. Disponível apenas em prata, a edição recebe logotipos na grade, nas saídas de ar dos para-lamas dianteiros, nas maçanetas e nas saídas de escapamento. As rodas são de 20 pol. No interior há uma plaqueta com o número da unidade no painel, revestimento em couro e camurça sintética e logotipos da série nos encostos.

Ao ser lançado em 1984, o M5 tinha motor de seis cilindros em linha e 3,5 litros com 286 cv para acelerar de 0 a 100 km/h em 6,5 segundos. A segunda geração passou a render 315 cv e a fazer o 0-100 em 6,3 s. Na terceira o motor passou a um V8 de 4,95 litros e 408 cv, para 0-100 em 5,3 s, e na quarta vinha o V10 de 5,0 litros e 507 cv para acelerar em 4,7 s. A atual geração é a quinta do esportivo e a sexta para o Série 5, no qual é baseado.

 

Texto: Fabrício Samahá – Fotos: divulgação