Chevrolet Tracker com motor 1,8 chega por R$ 72 mil

 

Já tem preço definido o Chevrolet Tracker, o utilitário esporte compacto que a General Motors lança no Brasil nesta quarta-feira (2) para competir com o Ford EcoSport. Trazido do México, o que o isenta de Imposto de Importação, o modelo vem em versão única LTZ por R$ 72 mil, com motor flexível de 1,8 litro e 16 válvulas (o mesmo do Cruze, com potência de 144 cv e torque de 18,9 m.kgf com álcool), tração apenas dianteira e câmbio automático de seis marchas.

 

 

Apesar de repetir o nome da versão Chevrolet para o Suzuki Grand Vitara, que a marca vendeu no Brasil por dois períodos na década passada, o novo Tracker segue o conceito atual para o tipo de veículo, com estrutura monobloco, em vez de carroceria sobre chassi. O conteúdo de série abrange ar-condicionado, bolsas infláveis frontais, freios antitravamento (ABS), rodas de 18 pol, bancos revestidos de couro, central multimídia MyLink com navegador, câmera traseira para manobras e computador de bordo. Um pacote opcional de R$ 4 mil acrescenta bolsas infláveis laterais e de cortina e teto solar com controle elétrico. Em breve a GM traz a versão LT, mais barata, enquanto a opção de tração integral tem expectativa para o próximo ano.

 

Texto: Fabrício Samahá – Fotos: divulgação