Chevrolet Cobalt: motor 1,8 e câmbio automático

FacebookTwitterGoogle+Bookmark/FavoritesEmailPrintShare

 

O Chevrolet Cobalt, até então vendido apenas com motor de 1,4 litro, passa a oferecer também o de 1,8 litro nas versões LT e LTZ. Chamado de Econo.Flex, o motor desenvolve potência pouco superior (106 cv com gasolina e 108 cv com álcool), mas ganha por boa margem em torque, de 16,4 e 17,1 m.kgf, na ordem. Outra novidade é a chegada de uma caixa automática com seis marchas, opcional para o motor 1,8 em alternativa à manual de cinco. A caixa oferece trocas no modo manual sequencial e conta com sistema adaptativo de trocas.

Segundo a fábrica, a velocidade máxima é de 170 km/h em qualquer caso e a aceleração de 0 a 100 km/h requer 10,5 s (manual, álcool) ou 10,9 s (automático, álcool). Alguns detalhes diferenciam o motor maior: a versão LT tem outras calotas e defletor na tampa do porta-malas, e a LTZ, novas rodas de alumínio, defletor, faróis com máscaras escurecidas e lanternas traseiras com lentes transparentes. No interior, o volante tem acabamento em couro na versão LT automática e na LTZ; os carros com câmbio automático ganham controlador de velocidade.

Os preços são: LT manual, R$ 43.690; LT automático, R$ 46.690; LTZ manual, R$ 47 mil; e LTZ automático, R$ 50 mil. Os itens de série do Cobalt LT incluem bolsas infláveis frontais, freios ABS, ar-condicionado, direção assistida, travas elétricas, vidros elétricos nas portas dianteiras, alarme e computador de bordo. A LTZ adiciona rodas de alumínio, faróis de neblina, volante com revestimento em couro, rádio/CD/MP3, interface Bluetooth e sensores de estacionamento.

 

 


Mais sobre: