Cadillac XT6 pode conduzir-se sem mãos no volante

 

O motorista do Cadillac XT6 poderá escolher não dirigir o luxuoso SUV: seu modelo 2020 oferece o sistema Super Cruise de condução semiautônoma, que pela primeira vez permite ao condutor manter as mãos fora do volante — nem mesmo o dispositivo Auto Pilot da Tesla tem essa função. O recurso está limitado a rodovias determinadas em um mapa (que somarão em breve 320 mil km nos Estados Unidos e no Canadá) e atua até 135 km/h.

 

 

 

Quando acionado, o carro cuida da direção mesmo em curvas, mantendo-se no centro da faixa, e de acelerar e frear, cabendo ao motorista assumir o comando em caso de travessia de animais e de objetos na pista, entre outros obstáculos. Para garantir que ele esteja atento, uma câmera infravermelha detecta a direção de seu olhar. Caso ele não reaja em uma emergência, o carro freia até parar e aciona o pisca-alerta. Durante o próximo ano o Super Cruise será estendido a outros modelos da divisão de luxo da GM, como o sedã CT5. O sistema deve ter custo adicional ao cliente entre US$ 5 mil e US$ 6 mil.

 

 

Lançado em janeiro no Salão de Detroit, o XT6 posiciona-se na marca entre o XT5 e o grande Escalade e oferece seis lugares em três filas de bancos. Tem motor V6 de 3,6 litros com 310 cv e caixa automática de nove marchas, áudio Bose com 14 alto-falantes, câmera para visão noturna, tampa traseira elétrica e rebatimento elétrico dos bancos traseiros.

Texto da equipe – Fotos: divulgação