BMW encontra um 530 MLE, precursor africano do M5

 

Quem se interessaria por um BMW Série 5 dos anos 70 no estado do carro branco das fotos? Para a BMW South Africa, havia uma razão especial para buscá-lo durante anos: esse é um dos poucos carros remanescentes da versão esportiva 530 MLE, que marcou o primeiro trabalho da divisão Motorsport para uso em rua. Um legítimo precursor da linhagem M5, o venerado sedã que vemos em azul.

 

 

O MLE, ou Motorsport Limited Edition, foi produzido apenas na África do Sul com base na geração E12 do Série 5, com o objetivo de homologação para a categoria de competição Modified Production (carros de produção modificados) daquele país. Foram feitos 110 carros em 1976 e 117 no ano seguinte com motor de seis cilindros, 3,0 litros e 200 cv para acelerar de 0 a 100 km/h em 9,3 segundos. Na Europa o primeiro Série 5 esportivo viria só em 1979, o M 535i de 218 cv.

Para aliviar peso, o 530 MLE tinha partes da carroceria em alumínio e furos em algumas peças, como as dobradiças do capô e os pedais. O carro saía com defletores dianteiro e traseiro, rodas Mahle e as faixas tradicionais da Motorsport. Apesar do mau estado, o centésimo exemplar da série agora está apto a receber a restauração que merece.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação