Citroën C4 Cactus e JAC T50: SUVs na faixa de R$ 90 mil

C4 Cactus tem tela de 7 pol na central de áudio e limpador de para-brisa automático

No T50 a tela de 8 pol mostra pressão e temperatura dos pneus e câmeras filmam frente, laterais e traseira; outra grava o tráfego adiante, útil em acidentes

 

Motor e desempenho
Os motores de mesma configuração — 1,6 litro, 16 válvulas — produzem resultados diferentes: potência de 138 cv no T50 e de 115 (com gasolina) ou 118 cv (álcool) no C4 Cactus, torque de 17,1 m.kgf no JAC e de 15,5/16,4 m.kgf no Citroën. Só que o carro da francesa pesa bem menos (1.204 kg ante 1.320 kg) e a potência constatada com um T40 em dinamômetro ficou longe da anunciada, cerca de 120 cv. Assim, mesmo com a teórica vantagem de sua transmissão de variação contínua (CVT) sobre a automática de seis marchas do adversário, o T50 foi só um pouco mais rápido em acelerações, como de 0 a 100 km/h em 12,2 segundos ante 12,5 s do C4 Cactus, e em retomadas.

 

 

A favor do Citroën estão o motor mais suave e silencioso — sobretudo em alta rotação, onde o rival se torna ruidoso e áspero — e a maior sensação de desempenho em uso normal, em parte pela melhor distribuição de torque, em parte pelo “pulo” inicial promovido pelo conversor de torque da caixa. A JAC é talvez a única marca hoje a não aplicar conversor à CVT: prefere embreagem, que favorece a economia, mas deixa a saída lenta.

 

Apesar da CVT dos 23 cv anunciados a mais, o JAC acelera só um pouco mais rápido; o Citroën agrada pela vivacidade no trânsito; ambos são econômicos

 

Sua caixa simula seis marchas em modo manual, que é operado pela alavanca, como no oponente. Ambas as transmissões estão bem calibradas, embora a do T50 seja lenta para atuar em retomadas, e oferecem três programas (normal e esportivo; o terceiro é de inverno no chinês e econômico no nacional). Estranha-se no JAC a caixa não voltar ao programa normal ao dar nova partida, como em todos os carros.

 

O C4 Cactus é superior em estilo, posto do motorista, comportamento e segurança passiva, ficando a favor do T50 acabamento/conveniência e porta-malas

 

Consumo
A CVT com embreagem de fato contribui para a economia do T50, que superou o rival nos dois trajetos urbanos por boa margem. Já em rodovia o C4 Cactus é que brilhou — foi o SUV mais econômico que já testamos —, com o chinês um pouco atrás. De qualquer modo, os dois estão muito bem nesse quesito. Vale lembrar que só o carro nacional é flexível em combustível.

Comportamento dinâmico
Não são carros prazerosos para fazer curvas rápidas, mas mostram estabilidade segura e contam com controle eletrônico de série. No T50 chama atenção a grande aderência dos pneus. Em conforto, os dois obtêm rodar macio pelos amortecedores, mas passam mais os impactos aos ocupantes do que se deseja, sobretudo o JAC. Nele, outros pontos precisam melhorar: o ruído na distensão ao passar por lombadas, o peso exagerado do volante em curvas em alta rotação e a facilidade com que o carro muda de direção em velocidades urbanas, passando a impressão de volante leve demais — chega a andar em ziguezague em piso ondulado. A direção do Citroën é mais acertada. Os dois carros freiam bem, com vantagem ao chinês pelos discos também na traseira.

 

Transmissão bem calibrada, estabilidade segura, faróis de neblina e luzes diurnas nos dois; faróis melhores no T50; acerto superior de direção no C4 Cactus

 

Segurança passiva
O C4 Cactus leva vantagem em proteção dos ocupantes pelas bolsas infláveis laterais dianteiras. Os dois carros têm fixação Isofix para cadeira infantil, encostos de cabeça e cintos de três pontos para cinco pessoas.

 

 

Custo-benefício
Eles partem de preços quase iguais, mas nosso T50 era a versão superior Pack 3, que superava o C4 Cactus em R$ 3.500. A diferença não se justifica pelos equipamentos adicionais, que em geral são úteis em raras condições, o que deixa o Citroën mais interessante. Quem optar pelo franco-brasileiro terá um carro superior em estilo, posto do motorista, comportamento dinâmico e segurança passiva, ficando a favor do chinês os itens acabamento/conveniência e porta-malas. Assim, o C4 Cactus sai vantajoso da comparação, mas o T50 revela bom processo evolutivo e deixa claro que, em poucos anos, os chineses estarão incomodando de verdade.

Mais Avaliações

 

Nossas notas

C4 Cactus T50
Estilo 4 3
Acabamento e conveniência 3 4
Posto do motorista 4 3
Espaço interno 3 3
Porta-malas 3 4
Motor e desempenho 3 3
Consumo 4 4
Comportamento dinâmico 4 3
Segurança passiva 4 3
Custo-benefício 4 3
Média 3,6 3,3
Posição 1°. 2º.
As notas vão de 1 a 5, sendo 5 a melhor; conheça nossa metodologia

 

Desempenho e consumo

  C4 Cactus T50
Aceleração
0 a 100 km/h 12,5 s 12,2 s
0 a 120 km/h 18,0 s 17,7 s
0 a 400 m 18,6 s 18,7 s
Retomada*
60 a 100 km/h 8,1 s 7,7 s
60 a 120 km/h 13,8 s 13,2 s
80 a 120 km/h 9,7 s 9,6 s
Consumo
Trajeto leve em cidade 13,3 km/l 14,7 km/l
Trajeto exigente em cidade 7,0 km/l 7,9 km/l
Trajeto em rodovia 13,8 km/l 13,1 km/l
Testes com gasolina; *reduções automáticas; conheça nossos métodos de medição

 

Ficha técnica

C4 Cactus T50
Motor
Posição transversal transversal
Cilindros 4 em linha 4 em linha
Comando de válvulas duplo no cabeçote duplo no cabeçote
Válvulas por cilindro 4, variação de tempo 4, variação de tempo
Diâmetro e curso 78,5 x 82 mm 75 x 90 mm
Cilindrada 1.587 cm³ 1.590 cm³
Taxa de compressão 12,5:1 10,5:1
Alimentação injeção multiponto sequencial injeção multiponto sequencial
Potência máxima* 115/118 cv a 5.750 rpm 138 cv a 6.000 rpm
Torque máximo* 15,5/16,4 m.kgf a 4.000 rpm 17,1 m.kgf a 4.000 rpm
Transmissão
Tipo de caixa e marchas automática, 6 automática de variação contínua, simulação de 6 marchas
Tração dianteira dianteira
Freios
Dianteiros a disco ventilado a disco ventilado
Traseiros a tambor a disco
Antitravamento (ABS) sim sim
Direção
Sistema pinhão e cremalheira pinhão e cremalheira
Assistência elétrica elétrica
Suspensão
Dianteira independente, McPherson, mola helicoidal independente, McPherson, mola helicoidal
Traseira eixo de torção, mola helicoidal eixo de torção, mola helicoidal
Rodas
Dimensões 17 pol 16 pol
Pneus 205/55 R 17 205/55 R 16
Dimensões
Comprimento 4,17 m 4,345 m
Largura 1,714 m 1,765 m
Altura 1,534 m 1,64 m
Entre-eixos 2,60 m 2,56 m
Capacidades e peso
Tanque de combustível 55 l 45 l
Compartimento de bagagem 320 l 600 l (até o teto)
Peso em ordem de marcha 1.204 kg 1.320 kg
Desempenho e consumo*
Velocidade máxima 185/190 km/h 198 km/h
Aceleração de 0 a 100 km/h 12,1/12,0 s 11,3 s
Consumo em cidade 11,0/7,4 km/l 11,3 km/l
Consumo em rodovia 12,2/8,6 km/l 11,5 km/l
Dados do fabricante; *gasolina/álcool para C4 Cactus e gasolina para T50; consumo conforme padrões do Inmetro