BMW 540i faz de tudo sem perder o foco no motorista

Apesar das assistências que o aproximam do carro autônomo, novo sedã foi feito para empolgar quem está ao volante

Texto: Fabrício Samahá – Fotos: divulgação

 

Mais confortável e com assistências ao motorista que o deixam mais perto da condução autônoma, mas sem perder a essência de esportividade que caracteriza a marca: assim pode ser definido o novo BMW Série 5, sétima geração de uma linhagem iniciada em 1972 (leia história), que começa a ser vendido no Brasil em 3 de maio.

Designado pela fábrica como G30, o Série 5 apresentado na Europa em outubro do ano passado vem para cá em duas versões: 530i M Sport, ao preço sugerido de R$ 314.950, e 540i M Sport, por R$ 399.950. As diferenças entre elas começam no conteúdo (veja os equipamentos de série no quadro abaixo) e chegam aos motores: o 530i tem um quatro-cilindros de 2,0 litros com turbo, potência de 252 cv e torque de 35,7 m.kgf, enquanto o 540i recebe um seis-em-linha turbo de 3,0 litros com 340 cv e 45,9 m.kgf. A BMW prevê que o segundo venda pouco mais que o primeiro dentro das 400 a 500 unidades estimadas para este ano.

A concorrência mais direta do 530i é com Audi A6 Ambiente (252 cv, R$ 283 mil), Jaguar XF R-Sport (240 cv, R$ 288.520), Lexus ES 350 (277 cv, R$ 274.800) e Mercedes-Benz E 250 Avantgarde (211 cv, R$ 309.900). Salvo o Lexus, que tem motor V6 aspirado de 3,5 litros, todos usam um 2,0-litros turbo. No caso do 540i, os competidores são A6 Ambition Quattro (333 cv, R$ 362 mil) e XF V6 S (380 cv, R$ 383.620), ambos com motor V6 de 3,0 litros e compressor (a Mercedes ainda não oferece um Classe E nesse patamar no Brasil).

 

Da dupla grade à dobra de Hofmeister, os elementos tradicionais da BMW estão todos no Série 5, que chega em versões 530i e 540i, ambas com pacote M Sport

 

O sedã produzido em Dingolfing, na Baviera, Alemanha, é mais uma demonstração da qualidade de desenho da BMW de hoje, com linhas que combinam elegância e esportividade como poucos. Elementos tradicionais da marca estão todos lá: dupla grade dianteira, conjuntos de leds que parecem dois faróis de cada lado, a “dobra de Hofmeister” na parte final das janelas laterais, lanternas traseiras amplas e horizontais, os balanços curtos para grande distância entre eixos.

No caso do 540i, os faróis ganham facho adaptativo conforme as condições (por exemplo, iluminam ao redor de outro veículo sem ofuscar seu motorista) e alcance de até 500 metros. As grades e a tomada de ar inferior da dianteira receberam aletas móveis, que fecham a entrada de ar quando não é necessária, a fim de melhorar a aerodinâmica. Outro recurso nesse sentido são as entradas de ar diante das rodas dianteiras e saídas atrás delas, que reduzem a turbulência na região. A versão mais favorável ao ar oferecida lá fora tem o excepcional Cx de 0,22, que nas opções vendidas aqui sobe para 0,24 (530i) e 0,25 (540i).

 

Além do costumeiro comando IDrive no console, a BMW agora permite toques na tela para funções de áudio, telefone, navegador, câmeras externas e configurações

 

O pacote M Sport, adotado como padrão para o Brasil, inclui rodas esportivas (de 18 polegadas no 530i e 19 pol no 540i, este com pneus traseiros mais largos), anexos aerodinâmicos, freios especiais e acabamento interno diferenciado. No exterior também são oferecidos os pacotes Luxury Line, mais tradicional, e Sport Line, intermediário entre esse e o M Sport. O Série 5 está mais longo (em 36 mm para 4,94 metros) e teve aumentos discretos em largura (6 mm para 1,87 m), altura (2 mm para 1,47 m) e distância entre eixos (7 mm para 2,98 m).

Ao fechar as portas do 540i não é preciso fazer força: se mal fechadas, um sistema as traz suavemente à posição correta. No interior, que transmite qualidade à altura do preço, o revestimento dos bancos pode ser em preto (com costura preta ou azul), azul escuro ou conhaque, um tom de caramelo. Os bancos com regulagem elétrica completa são, como de hábito na marca, irrepreensíveis em formato e densidade. Apenas o ajuste de apoio às coxas é manual.

 

Estilo elegante com tom esportivo mostra boa fase de desenho da marca; o 540i vem com leds adaptativos nos faróis e rodas de 19 pol com pneus 275 atrás

 

O quadro de instrumentos, embora de aparência analógica, usa na verdade telas de TFT configuráveis. Grafia e cor mudam de acordo com o modo de condução selecionado, entre Comfort e Sport, que também afetam motor, transmissão e direção. Se colocado em Eco-Pro, o conta-giros desaparece — em seu lugar surgem mostradores de consumo instantâneo e recarga da bateria pela regeneração de energia. No mesmo espaço aparecem alertas com figuras, como para porta aberta. Seria melhor, porém, que o repetidor digital do velocímetro aparecesse sempre e não só em Sport.

 

 

Acima do painel, a projeção de informações no para-brisa foi ampliada em 70% e agora abrange dados de áudio, navegador, alertas de trânsito (como a distância ao próximo pedágio) e dos sistemas de assistência, além de velocidade. O sistema de áudio, que no caso do 540i vem da renomada Harman Kardon, traz compatibilidade com Apple Car Play que dispensa conexão por fios, inédita em modelos de produção. Um disco rígido de 20 GB armazena músicas.

Além do costumeiro comando IDrive no console com várias operações, a BMW agora permite toques na tela de 10,25 pol para funções de áudio, telefone, navegador, câmeras externas e configurações do carro. Pode-se, por exemplo, aumentar e diminuir o zoom do mapa como em um telefone ou tablet e selecionar entre os menus com movimento lateral dos dedos. O sistema admite também comandos por voz em português brasileiro, mas o de gestos adotado na Europa não está disponível aqui.

Próxima parte

 

Versões, preços e equipamentos

530i M Sport (R$ 314.950) – Alarme, ar-condicionado automático de duas zonas, assistente de estacionamento, assistente de faróis, bancos dianteiros com ajuste elétrico e memória, bolsas infláveis frontais, laterais dianteiras e de cortina, câmera traseira de manobras, chave presencial para acesso e partida, controle eletrônico de estabilidade e tração, faróis de leds (incluindo neblina), pacote M Sport, parada/partida automática do motor, pneus com tecnologia roda-vazioregeneração de energia em frenagens, rodas de alumínio de 18 pol, seletor de modos de condução, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, sistema de áudio compatível com Apple Car Play e navegador, sistema de comando IDrive com tela tátil de 10,25 pol, tampa de porta-malas com abertura e fechamento elétricos.

• 540i M Sport (R$ 399.950) – Como o 530i, mais ar-condicionado automático de quatro zonas, assistente de estacionamento 100% automático (Driving Assistant Plus), assistente de faixa de rolamento, assistente de visão noturna com detector de pedestres, câmeras de visão externa em 360 graus, controlador de velocidade e distância à frente, faróis adaptativos, fechamento suave de portas, projeção de informações no para-brisa, rodas de 19 pol, sistema de áudio Harman Kardon.

Próxima parte